Instituto Durmstrang
É necessário estar cadastrado para ver as informações contidas no forum. Lembre-se de usar nome e sobrenome se quiser ter a conta ativada, não ativaremos nomes comuns utilizados por Hacker. Exemplo: "Barum" "Hakye" e por ai vai. Bem vindos.

Lobby

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Mensagem por Godric Gryffindor em Sab Jul 29, 2017 3:37 pm

Lobby



Ao entrar no hotel, o hóspede entra em contato com o clima do local imediatamente. O lobby é bem iluminado, colunas originais dos anos de 1940 e possui uma grande parede de vidro que dá vista direta para o mar. Possui uma decoração moderna e composta por plantas inteiramente naturais e nativas do local. A noite, uma iluminação dramática feita quase inteiramente com velas valorizam o ambiente ainda mais.
Há sofás dispostos para aqueles que desejem se sentar e pode-se observar carregadores uniformizados posicionados estrategicamente para melhor atender aos clientes e seguindo-o até o fim, encontrará o balcão da recepção.




"Bold Gryffindor, from wild moor."
Ver perfil do usuário
avatar
Administradores

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem por Niara A. Kijani Odion em Seg Ago 07, 2017 4:20 pm
What now?!
Não conto mais de dez dias que deixei Porto Novo, mas já estava me acostumado ao clima local, tão mais gentil que o calor infernal do Benin. Sinto que sempre sentirei falta do que tinha ali. Não posso, porém, me deixar levar pela emoção. A morte de minha tia não era nenhuma surpresa, mas não me cabe na cabeça um ataque do teor sugerido pelo ministério. Afinal porque diabos matariam Khadija e Fynn, sequestrariam Alika, mas deixariam para trás todas as outras crianças?"Viva com isso, Niara. A vida é um mistério."
Ouço passos no corredor e tenho quase certeza de que vem em direção à minha porta, mas torço pelo contrário. Toc,toc,toc. Exprimo um som de insatisfação ao me levantar, encaro o telefone fora do gancho com um revirar de olhos. Em passos arrastados, caminho até a porta.
-Desculpe, senhora, tentamos ligar mas a senhora não atendia. Tem uma senhorita no lobby que insiste em falar com a senhora. Diz que é urgente.
-Urgente? 
-Sim, disse que a senhora não queria ser chamada, mas ela insistiu muito em vê-la. 
-Avise que desço em alguns minutos.
Não sou capaz de imaginar quem procuraria por mim aqui, uma vez que ninguém sabe de minha viagem, com exceção de Nahla.  Não deveria estar tão longe dos meus, mas me recusava a me hospedar naquele muquifo. Enquanto o apartamento não fosse liberado, ficarei contente em fazer a pêssega por aqui, brincando de estar de férias. Troco de roupas rapidamente e coloco minha varinha no interior da jaqueta, caso precisasse retirá-la do bolso com velocidade. 
Desço as escadas do hotel e não consigo acreditar que possa estar vendo quem penso que estou. Ela está parada ali, as mãos nos bolsos, os olhos em mim, está ansiosa. "Não pode ser ela". Permaneço estagnada no último degrau, sem saber o que fazer. Vou até o balcão, fingindo que não a reconheci, e pergunto ao rapaz quem era a senhorita que me procurava. Ele procura um pouco e aponta para ela. Respiro fundo e dou alguns passos até ela.
-Como me encontrou?
I just can't figure it out





Última edição por Niara A. Kijani Odion em Seg Ago 07, 2017 9:11 pm, editado 1 vez(es)
Localização : Londres

Ver perfil do usuário
avatar
Bruxos Maiores de Idade

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem por Aalyah M. Kantayeni Odion em Seg Ago 07, 2017 4:45 pm

Forgive me, please
BE BRAVE


Q
uando soube notícias dela e que possivelmente estaria na Austrália, ainda havia um fio de esperança de revê-la. Tudo era incerto, mas nada em minha vida fora certo. Já estava na ilha há uns bons dias. Minha busca era incansável, entretanto, eu estava andando em círculos. Foi de forma inesperada,  naquela tarde de sol maravilhosa que a vi. Paralisei por um instante, até meu corpo obedecer o comando de segui-la. Adentrou em um hotel luxuoso, típico dela. Esperei cerca de duas horas para que as palavras certas surgissem, eu devia explicações, ainda mais pelo momento em que ela a sua família estavam passando. Com as mãos no bolso, passei pela porta giratória e me dirigi à recepção.
- Por favor, gostaria de falar com a senhorita Niara Akili Kijani Odion? Diga que é urgente. -Assenti com a cabeça.-
-Não há ninguém com esse nome hospedado aqui!
-
Me disse o recepcionista de forma rude e sem olhar em meus olhos .
-Então diga a senhorita Xena que Sherah está aqui e precisa falar com ela com urgência, senhor Flingston. Iabadabadu! ! - Me afastei do balcão, enquanto vi um dos funcionários pegar o telefone contrariado e discar, eu não cairia na ladainha deles tão fácil.
Resolvi pegar um dos cigarros do meu maço e acender quando me deparo com uma placa gigante que dizia "proibido fumar" e todos em volta me olhando. Devolvo o tabaco para o bolso solto um sorriso sarcástico de canto de boca. Me sento em uma das poltronas. Quanto tempo levaria até ela descer? Logo estou de pé com as mãos nos bolsos e ela chega. Meus batimentos aceleram, empalideço. Ela ignora a minha presença, prefere se certificar da pessoa que a procura, vem em minha direção.
Já faz um longo período que te procuro, Niara, te devo explicações e sei disso. - Pigarreio - Sei o que aconteceu com sua família, eu voltei para lá, para você, muito antes de vocês partirem, aliás, eu nunca te deixei. Acontece que tudo que vi foi uma casa cheia de morbidez. E aqui estou, como te disse, para por as coisas as claras. Podemos? - A face dela era indecifrável mas eu desejava me explicar ou pelo menos tentar explicar metade de tudo do que havia me acontecido e dizer a ela que eu estaria com ela para tudo.



AALYAH VESTE





# Dear love forgive me, please?

# JUST BE STRONG


Última edição por Aalyah D Makini Kantayeni em Seg Ago 07, 2017 6:31 pm, editado 2 vez(es)


Aalyah Dulane Makini Kantayeni Odion
I'M BRINGIN' SEXY BACK!
Idade : 26

Localização : London

Ver perfil do usuário
avatar
Bruxos Maiores de Idade

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem por Niara A. Kijani Odion em Seg Ago 07, 2017 5:36 pm
What now?!
Preciso respirar fundo para entender tudo o que, aparentemente, está acontecendo. Nós vivemos uma história linda, mas a própria Aalyah destruiu tudo e agora isso?
Não consigo encontrar palavras por alguns instantes, logo me recomponho e me vejo encarando Aalyah nos olhos.
-Você tem ideia de quanto tempo se passou, Aalyah? Tem ideia de quanto tempo eu passei tentando entender o que você fez? Eu me culpei, te procurei. E agora você aparece assim, na maior cara lavada, me pedindo para conversar?
Meu tom de voz é baixo, mas intenso o suficiente para qualquer um entender o quão perplexa e revoltada eu estou. Encaro minhas mãos. A marca da aliança ainda está ali, escandalosa em meu dedo anelar. 
-Nós estávamos noivas, Aalyah, noivas! E o que você faz? Some! Some sem me dar satisfações, sem sequer terminar comigo antes!
Minha visão fica turva por um instante e caio sentada na poltrona atrás de mim. Respiro um pouco e olho em volta. Um homem no balcão nos olha fixamente. Encaro a mulher e reduzo o tom de voz para espantar o curioso.  
-Quer saber? Vá em frente, diga o que quer. Aviso de antemão que é bom ser boa em se explicar, porque o tempo de espera foi grande demais pro meu gosto.
I just can't figure it out



Localização : Londres

Ver perfil do usuário
avatar
Bruxos Maiores de Idade

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem por Aalyah M. Kantayeni Odion em Seg Ago 07, 2017 6:19 pm

Forive me, please?
wants to the world


A
minha presença no local deixava Niara desconfortável em demasia e para ser sincera, eu começava a me sentir incomodada com a minha própria presença. Tentar me explicar, remediar as coisas e ter a minha noiva de volta não seria fácil nem provável. A terminei de ouvir atentamente. Ela tinha todo o direito de estar com raiva, de querer me esbofetar, eu entenderia, mas foi paciente e abriu a mente para me escutar, creio que mais por curiosidade que por qualquer outra coisa plausível. No entanto, não poderia perder a oportunidade, era a minha única, não saberia dizer se a veria novamente depois. Sentei-me na poltrona ao lado, pernas entreabertas com os braços apoiados pelos cotovelos em minhas coxas. Puxei o ar até sentir que meus pulmões estivessem bem cheios e soltei devagar.
- Niara, eu quero começar te pedindo perdão. Perdão pelo que fiz, por quem sou. -Eu olhava para ela fixamente.- Sei que eu sumi por um longo período, quase um ano, mas eu nunca deixei de pensar em você. A minha aliança permanece em meu dedo, nunca saiu daqui. - Mostro-lhe o meu dedo anelar e a joia que trocamos quando fizemos votos no passado, nunca retirada.- Quando o meu pai pediu para que eu voltasse para casa me dizendo que me aceitaria como eu sou, com um gênero neutro, sem se importar se eu era menina ou menino, eu vi a a chance de me aproximar da minha família e era tudo o que eu sonhei para a minha vida e você sabe disso. - Minha respiração acelera, passo a mão nos cabelos inúmeras vezes. - Tudo ia bem, mas ele ficou estanho. Não me deixava sair de casa, eu devia obedecer as ordens, como meus irmão: acordar, trabalhar sobre a sua supervisão, ajudar na casa, treinar combate, estudar combate, ler, servir o jantar  estar na cama por volta das nove. Eu queria muito ser aceita e não sei o que deu em minha cabeça, mas eu precisava da aceitação deles, principalmente a do meu pai. -Cerro o meus punhos, eu me enfurecia quando tocava nesse assunto.-Uma noite, eu fui pegar água na cozinha e ouvi meu pai e meu irmão Nial conversando, eles falavam sobre o ataque que eu sofri e, sabe Niara, meu pai planejou tudo e meu irmão abusou de mim junto com outros amigos dele.- Meu sangue ferve de ódio ao lembrar, sinto ficar vermelha - Descobri também que meu irmão Maliki não compactou com o absurdo e foi proibido de terminar faculdade. E ele continua não compactuando. Meu pai e Nial planejavam outro abuso. Mamãe sabia de tudo o tempo todo! Queriam me dar uma lição, queriam que eu fosse mulher novamente...- Fico calada, perdida em pensamentos perturbadores demais para que eu possa reagir. Meu olhar é vago, vazio...


AALYAH VESTE





#Dear love forgive me, please?

JUST BE STRONG.


Última edição por Aalyah D Makini Kantayeni em Seg Ago 07, 2017 6:48 pm, editado 3 vez(es)


Aalyah Dulane Makini Kantayeni Odion
I'M BRINGIN' SEXY BACK!
Idade : 26

Localização : London

Ver perfil do usuário
avatar
Bruxos Maiores de Idade

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem por Niara A. Kijani Odion em Seg Ago 07, 2017 6:29 pm
What now?!

Minhas mãos estavam suadas, já não sei se pelo calor ou pelo nervoso de encontrá-la ali. Esquivo para o outro lado ao vê-la se sentar ao meu lado, passo as mãos na barra do shorts e tento manter meus olhos nos olhos dela, mas não é nada fácil encarar os fantasmas de frente. 
- Niara, eu quero começar te pedindo perdão. Perdão pelo que fiz, por quem sou.
Reviro os olhos escancaradamente. Ela não pode ter se dado ao trabalho de me seguir esse tempo todo pra simplesmente achar que é só se desculpar e tudo bem. Observo a aliança em seu dedo em silêncio, não considerando isso como uma prova de amor. Como alguém pode amar tanto outra pessoa e a deixar plantada sem qualquer explicação?
Permaneço em silêncio enquanto ela fala, quase sem reação. Não por não me tocar com a armação dos pais dela, mas porque eu já sabia disso, ela deveria saber, eu contei a ela. Com todas as mínimas palavras. Resolvi não entrar no mérito, era o menos relevante de toda a história. 
-Sabe o que é difícil de perdoar, Aalyah? Não é o fato de você querer agradar sua família, por qualquer motivo que seja. Eu entendo, sério. Não é o fato de você ter me deixado, não é nem mesmo o fato de ter me seguido até aqui, mas a realidade de que eu não fui importante o suficiente sequer para você ser clara comigo. Eu merecia uma explicação, Aalyah! Eu cheguei a pensar que tinha desaparecido, pelo amor! Sabe, era só dizer: oi, Niara, estou voltando para a casa dos meus pais, prazer te conhecer. Era suficiente! Mas você achou uma ótima ideia não me dar satisfação, fugir dos seus problemas como tem feito sempre desde os últimos anos! A minha vontade é de te estapear inteira, de tanta raiva que eu tenho disso! Você não é capaz de entender o quão cruel foi da sua parte...
I just can't figure it out



Localização : Londres

Ver perfil do usuário
avatar
Bruxos Maiores de Idade

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem por Aalyah M. Kantayeni Odion em Seg Ago 07, 2017 6:47 pm

Forive me, please?
wants to the world


A
quele lugar podia ser lindo, mas toda aquela movimentação estava me causado fadiga. Queria conversar a sós com Niara, em um lugar tranquilo, mas naquela altura da conversa era impossível.
P****, eu havia f***** a minha vida inteira por uma merda de uma incerteza. Em algum lugar do meu inconsciente, ser aceita iria me fazer uma pessoa melhor, mas na verdade, as pessoas não deveriam me aceitar e sim me respeitar. A aceitação verdadeira era de mim para mim, de como eu era, sem pensar no que os outros iriam falar e percebi isso um pouco tarde.
-Me bate se quiser, eu mereço, desconta a sua raiva. Eu sei que você me alertou, me falou tudo sobre o meu pai, amor, digo, Ni... Niara. Mas eu tinha esperanças, p****, eu tinha! Mas eu entendi muitas coisas no meio desse processo todo. -Bato com força em na poltrona.- Você sempre teve uma família dos sonhos e eu vivi uma vida de horrores, não me julgue. Que merda!-
Passo a mexer em meu macacão jeans surrado e abrir um cado mais o buraco que havia nele. Niara não queria nada comigo, não queria provavelmente me ver depois daquela conversa. Pudera, a culpa era pura e completamente minha. Mais uma suspirada.
- Niara, por favor, me deixa provar que eu te amo mais que tudo, que sempre te amei e que sempre vou te amar, por favor? Por favor?  Você não deveria ter passado pelo que passou, mas me deixe tentar? -Tento segurar as mãos dela. Eu queria tanto aquele contato.- Ni, qual é? Eu me ajoelho diante de você, eu imploro, faço o que você quiser, mas não me manda ir embora. Eu vacilei, eu sei, eu vacilei muito, eu fui péssima, pior que péssima, foi ridículo, mas eu queria ser aceita... Viver sem você na minha vida será meu castigo para sempre? -A olhei de baixo para cima, ali, ainda ajoelhada.


AALYAH VESTE





#Dear love forgive me, please?

JUST BE STRONG.


Aalyah Dulane Makini Kantayeni Odion
I'M BRINGIN' SEXY BACK!
Idade : 26

Localização : London

Ver perfil do usuário
avatar
Bruxos Maiores de Idade

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem por Niara A. Kijani Odion em Seg Ago 07, 2017 8:07 pm
What now?!
Mais uma vez, escuto tudo calada. Aalyah sempre será o amor da minha vida, mas não me sinto pronta para perdoá-la e não sei se algum dia estarei. Ela não brincou somente com a vida dela, mas com a minha também. Ela podia querer desesperadamente aquela família, mas estávamos construindo a nossa. A única coisa que ela deixou claro, foi que isso não importava pra ela. 
O homem no balcão continua nos encarando, estou começando a me incomodar. Um simples curioso já teria arrumado mais o que fazer, mas este parecia incrivelmente desocupado. Sinto o calor das mãos dela nas minhas e puxo os braços com força, respirando fundo para afastar qualquer lembrança. Quando Aalyah se joga de joelhos no chão meus olhos se arregalam. Chegamos a um ponto absurdo.  Puxo a mulher pelos cotovelos e a empurro de volta sobre a poltrona com rispidez. 
-Aalyah, se você fizer disso uma cena, eu juro que nunca mais vai ver a minha cara. Nem aqui, nem em lugar nenhum. Se quer realmente ter uma conversa comigo, experimente se lembrar do que eu acho de todo esse escândalo e não me faça esse papelão! 
Agora tínhamos platéia, maravilha! Aalyah tem um poder inexplicável para conseguir me enlouquecer. 
-Se levanta e me acompanha, sem fazer cena, porque eu não vou dar outra chance.
Vejo uma pergunta se formando nos lábios de Aalyah. Dou um beliscão em seu braço antes que ela terminasse. "Cala a boca e anda" resmungo enquanto a guio para o quarto em que estava hospedada.
I just can't figure it out



Localização : Londres

Ver perfil do usuário
avatar
Bruxos Maiores de Idade

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem por Conteúdo patrocinado
Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum